“Os Saltimbancos” no Teatro Municipal de Ilhéus

O Teatro Municipal de Ilhéus apresenta nos dias 22 e 23 deste mês, a partir das 17 horas, o musical infantil ‘Os Saltimbancos’. Com texto original de Sérgio Bardotti e Luiz Enríquez Bacalov, e versão em português de Chico Buarque de Hollanda, o espetáculo tem na direção e produção de Cristina Barreto.
O ingresso, a preços populares, poderá ser adquirido antecipadamente na bilheteria do teatro ou em diversos pontos de venda da cidade. O apoio é da Prefeitura de Ilhéus, por intermédio da secretaria municipal de Cultura (Secult).
‘Os Saltimbancos’ conta a história de um cachorro e um jumento, da galinha e uma gata que, cansados de ser explorados por seus donos, decidem fugir das fazendas onde moram. E a partir daí inicia uma grande aventura em busca de realizar um sonho: formar um conjunto musical.
Depois de muito caminhar, os animais chegam à ‘Pousada do Bom Barão’, onde imaginavam descansar. Mas uma placa indicava que a entrada de animais era proibida. Ao olhar pela janela eles se espantam ao avistar no seu interior os patrões. A primeira reação foi fugir para o mato, mas os bichos mudaram de ideia e decidiram enfrentar seus ex-donos. E para a surpresa deles são os patrões que fogem.
A diretora e produtora do musical infantil ‘Os Saltimbancos’, Cristina Barreto, diz que “o episódio comprova, com lucidez, a capacidade de se refletir sobre temas complexos como a desigualdade e a exploração social, voltados para linguagem infantil, numa história que toca a mente e o coração de adultos e crianças”.

ZPE DE ILHÉUS, UM NEGÓCIO DA CHINA

Ilhéus será, a partir desta sexta-feira (14), “cidade-irmã” de Tianjin, na China. O ato que marcará esta relação está marcado para acontecer no Teatro Municipal de Ilhéus, às 9 horas, quando o prefeito Mário Alexandre receberá o vice-governador João Leão, lideranças empresariais brasileiras e uma comitiva de empresários chineses, que vêm conhecer a cidade e assinar um Memorando de Entendimentos visando uma parceria na implantação da Zona de Processamento de Exportação (ZPE) de Ilhéus. A visita é resultado de uma viagem à China feita pelo governador Rui Costa buscando atrair investidores para Ilhéus. “Estamos próximos, muitos próximos da concretização deste projeto”, assegurou o prefeito de Ilhéus.

Tianjin possui uma Zona Econômica Especial e é uma das maiores e mais importantes cidades da China. Situada no nordeste do país e banhada pelo Oceano Pacífico, a cidade faz divisa com a província de Hebei e com a também cidade município de Pequim, capital. Tianjin é dividida entre ‘cidade velha’, porção em que se localizam os monumentos históricos da cidade, e a área mais moderna e economicamente desenvolvida, representada pela  Área de Desenvolvimento Econômico-Tecnológico de Tianjin (TEDA), que serve de base para praticamente todos os polos industriais, comerciais e financeiros da região. Com crescimento de mais de 30% ao ano, ambas as regiões são, hoje, uma das maiores bases na China para indústrias relacionadas à alta-tecnologia e telecomunicações.

Após o ato no Teatro Municipal, o prefeito Mário Alexandre vai acompanhar a comitiva a uma visita ao Porto de Malhado e à área destinada a implantação da ZPE local, na rodovia Ilhéus-Uruçuca. Além do know how, tecnológico os chineses também estão dispostos a investir na melhoria da infraestrutura portuária e na implantação do parque tecnológico de Ilhéus. O governo do Estado já tem diversas empresas interessadas em se instalar na ZPE de Ilhéus, considerada estrategicamente importante para o País, já que funciona bem ao centro da faixa litorânea brasileira.

Atualmente existem no mundo 3.500 ZPE em 135 países, gerando cerca de 68 milhões de empregos diretos. As ZPES nacionais foram pensadas como forma de atrair novos investimentos externos através do aumento das exportações, que devem atingir o mínimo de 80% do total da produção. Elas contribuiriam para impulsionar o progresso tecnológico, diminuir os desequilíbrios regionais e reduzir a migração para o Sudeste do país, já que, inicialmente e preferencialmente, as zonas estariam situadas nas regiões Norte e Nordeste. A localização da ZPE de Ilhéus é estratégica, por estar localizada bem ao centro do litoral brasileiro.

Localizada na Rodovia Ilhéus – Uruçuca, KM 12 (BA 262), a ZPE de Ilhéus conta com um terreno de 2.250 mil m², tendo seu projeto com 9.500m² de área construída, na qual já foi aprovado o projeto arquitetônico, alvará de construção e licença ambiental. A ZPE Ilhéus também contará com o fácil acesso ao Complexo Industrial de Ilhéus. 

Dentre as vantagens, a ZPE garante a suspensão de impostos e contribuições (Imposto de Importação, IPI, PIS, COFINS, PIS-Importação e COFINS-Importação e Adicional ao Frete para Renovação da Marinha Mercante) nas aquisições no mercado interno e nas importações; as empresas podem destinar o correspondente a até 20% do valor da receita bruta resultante da venda de bens e serviços para o mercado interno; ter diversos incentivos, deles a redução de 75% do IR pelo prazo de 10 anos; e gozam de “liberdade cambial” (podem manter no exterior, permanentemente, 100% das divisas obtidas nas suas exportações).

Além disso, as empresas em ZPE também têm acesso à redução a zero do IR sobre remessas para promoção comercial no exterior; preferência nas compras governamentais de bens e serviços de informática e automação; isenção e manutenção de crédito de IPI e depreciação acelerada para equipamentos, máquinas, aparelhos e instrumentos novos; e vários benefícios (depreciação integral, redução de IR sobre remessas para registro de marcas, etc.) para as empresas que atuarem em pesquisa e desenvolvimento e inovação tecnológica.

NAVIOS DA MARINHA PODEM SER VISITADOS EM ILHÉUS

Nos dias 15 e 16 de julho, das 14h00 às 17h00, estarão atracados no porto de Ilhéus-BA e aberto à visitação pública os Navios Varredores Atalaia (M-17), Araçatuba (M-18) e Albardão (M-20), pertencentes à Força de Minagem e Varredura da Marinha do Brasil.
Os navios, que compõe o Grupo-Tarefa 227.1, comandado pelo Capitão de Fragata Marcio Gonçalves Martins Assumpção TAVEIRA, Comandante da Força de Minagem e Varredura, deslocam 253 toneladas, medindo 47,2 metros de comprimento e atinge velocidades de até 22 nós (aproximadamente 41Km/h). Construído inteiramente em madeira e metal amagnético, de modo a não atuar minas (explosivos submarinos) de influência magnética. Sua atividade principal é realizar a varredura de minas de contato e de influência, utilizando equipamentos capazes de detoná-las a uma distância segura ou neutralizá-las.

Clay Gordon estará no Festival do Chocolate em Ilhéus

Durante a nona edição do Festival Internacional do Chocolate e Cacau – Chocolat Bahia, que acontece de 20 a 23 de julho em Ilhéus, especialistas internacionais ministrarão palestras gratuitas sobre diversos aspectos do setor. 

O passado, presente e futuro do chocolate artesanal será o tema abordado pelo escritor norte americano Clay Gordon, autor do livro Descubra o chocolate: o guia final de compra, degustação e aproveitamento de chocolate fino (em livre tradução). Gordon também é fundador da TheChocolateLife.com, maior comunidade focada exclusivamente no chocolate no mundo.

Os indianos radicados nos Estados Unidos Andal Balu e Mannarsamy Balasubramanian apresentarão tecnologias para processamento do cacau e produção de chocolate artesanal a partir da amêndoa. O casal é proprietário da indústria CocoaTown, em Atlanta, que projeta, fabrica e distribui uma linha de equipamentos compactos para ajudar pequenos produtores a fazer chocolate gourmet bean to bar (do grão à barra). Já a portuguesa Goretti Silva, professora de Turismo e proprietária da empresa Na Rota do Chocolate, na região de Viana do Castelo, em Portugal, trará o tema Turismo associado ao chocolate.

Todas as palestras serão realizadas no Centro de Convenções de Ilhéus, a partir das 16h do dia 22, durante o Chocoday, parte da programação do Chocolat Bahia – 9º Festival Internacional do Chocolate e Cacau. A entrada é gratuita.

Benefícios e Gratuidades para Idosos: IPTU

O Estatuto do Idoso – Lei Federal n. 10.741/2003 garante várias outras isenções , tais como do IMPOSTO TERRITORIAL URBANO (IPTU).

A isenção ao pagamento do IPTU vale para pessoas com idade acima de 60 anos, proprietárias de um só imóvel, aposentadas e com renda de até dois salários mínimos. O primeiro passo é procurar a Secretaria da Fazenda onde serão fornecidos todos os dados a passos a serem cumpridos pelo requerente (idoso que está pedindo a isenção).

– A princípio, o requerente deve ter em mãos prova documental da sua renda. Isso pode ser obtido da sua declaração do Imposto de Renda ou pelo espelho do seu carnê da Previdência Social.

O pedido de isenção deve ser renovado anualmente. A Secretaria da Fazenda deve ser procurada nos casos de primeiro pedido e acompanhamento até resposta final do órgão, isentando o imóvel do pagamento.
Por essa razão, o requerente deve fornecer todos os dados corretamente no momento em que preenche o formulário. Isso facilita a análise e deferimento do pedido.

Procure, sempre, o Ministério Público, a Defensoria Pública quando tiver seus direitos desrespeitados.

Boleto vencido pode ser quitado em qualquer banco a partir de hoje

A partir de hoje, boletos vencidos poderão ser pagos em qualquer banco. A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) começa a adotar, de forma escalonada, uma plataforma de cobrança que permite a quitação de boletos em atraso em qualquer agência bancária.

Por enquanto, a novidade só estará disponível para os boletos de valor igual ou superior a R$ 50 mil. O valor mínimo será reduzido para R$ 2 mil em 11 de setembro, R$ 500 em 9 de outubro e R$ 200 em 13 de novembro. A partir de 11 de dezembro, boletos vencidos de todos os valores passarão a ser aceitos em qualquer banco.

A nova plataforma de cobrança permitirá a identificação do Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) do pagador, o que facilitará o rastreamento de pagamentos. Ao quitar o boleto, o próprio sistema verificará as informações. Se os dados do boleto coincidirem com os da plataforma, a operação é validada. Caso haja divergência nas informações, o pagamento só poderá ser feito no banco de origem da operação.

Conforme as datas de adoção da nova plataforma e as faixas de valores, os bancos deixarão de aceitar boletos sem o CPF ou o CNPJ do pagador. Os clientes sem esses dados serão contatados pelos bancos para refazerem os boletos.

De acordo com a Febraban, o atual sistema de cobrança funciona há mais de 20 anos e precisava ser atualizado. A previsão inicial era que o novo sistema entrasse em vigor em março para valores acima de R$ 50 mil, mas teve que ser adiada para este mês. Segundo a Febraban, o adiamento foi necessário para garantir a alimentação da plataforma de cobrança por todas as instituições financeiras.

PESCADORES TERÃO DESCONTO EM COMPRA DE AUTOMÓVEIS, SERVIÇOS, SEGURO E PEÇAS

A partir de agora profissionais da pesca na Bahia terão facilidades na aquisição de veículos. Uma parceria entre a General Motors do Brasil, através da Frutosdias, e a Bahia Pesca deve permitir a pescadores e marisqueiras cadastrados no CadCidadão, receber descontos de até 20% na compra de veículos utilitários.

Por enquanto a novidade abrange federações, associações, colônias de pesca e profissionais com RGP. Habitação, educação, saúde ocupacional e serviços básicos já integram o conjunto de ações inter-institucionais da Bahia Pesca em prol da categoria. Ao inserir o setor de transporte entre os benefícios oferecidos, a empresa avança rumo à consolidação da atividade.

“Podemos ampliar essa iniciativa, incluindo os mais de 7500 pescadores e marisqueiras cadastrados pela Bahia Pesca dentro do Programa Vida Melhor para adquirir não apenas um carro, mas também ter acesso a essa importante ferramenta de trabalho para escoamento de produção”, avaliou o presidente da Bahia Pesca, Cássio Peixoto, lembrando que pescadores e marisqueiras inseridos no CadCidadão já são beneficiados com a redução de até 65% na tarifa de energia e acesso à telefonia popular.

Peças, acessórios, serviços, seguros e motos com descontos de até 15% também fazem parte do pacote preparado pela Frutosdias. “O produtor rural já está contemplado nesta ação. O que fizemos foi incluir o pescador neste segmento, ajustando questões operacionais ao RGP para a validação dos clientes que se apresentem à concessionária como profissional da pesca”, explicou a gerente de Vendas Diretas da Frutosdias, Roberta de Souza, acrescentando que a medida foi implementada esta semana em todo o Estado e as compras podem ser feitas diretamente com a montadora, nas lojas.

As duas empresas analisam estratégias para facilitar o acesso de pescadores e marisqueiras do Programa Vida Melhor à ação, com objetivo de alcançar proporções compensadoras, principalmente para um segmento tão importante quanto o da pesca e aquicultura na Bahia.

Altas ondas em Ilhéus

Julho sempre trás o swell para o litoral de Ilhéus e com quase 100 km de praias os surfistas tem muitas opções.

Em Olivença as praias de Batuba e Backdoor são as preferidas, já do Morro de Pernambuco com a Badusca, Miache, Ponta, todo o sul, também oferece variadas condições e formações de ondulação.

No centro a praia da Soares Lopes oferece picos diferentes, da Catedral ou Espigão.

Já para o norte a lendária onda da boca da barra do São Miguel, Havaizinho, nessas condições climáticas, está propença a bons tubos e Dops.

Do São Miguel e seus piers, Norte Shore até o Sargi as ondas mais fortes e tubulares.

É pegar a prancha e encarar os três metros da previsão.  

Faculdade de Ilhéus faz inscrição para 2ª chance do Vestibular 2017.2 até 19 de julho

A Faculdade de Ilhéus está com inscrições abertas para a segunda chance do Vestibular 2017.2, até o dia 19 de julho, para os cursos de graduação em Engenharia Civil, Odontologia, Psicologia, Administração, Ciências Contábeis, Direito, Enfermagem e Nutrição.  Neste semestre, quando a instituição completa 15 anos de existência, o aprovado nesse processo seletivo tem a vantagem de poder financiar até 70% do curso escolhido e, ainda mais, no ato de matrícula ganhar um aparelho smartphone.

As inscrições podem ser feitas através do site www.faculdadedeilheus.com.br, ou de forma presencial na secretaria da Faculdade, localizada na rodovia Ilhéus-Olivença, km 1,5, bairro São Francisco, zona sul da cidade, no horário das 8 às 21 horas. O valor da taxa de inscrição é de 50 reais.

A aplicação das provas do Vestibular será realizada no dia 23, domingo, às 8 horas, no campus da Faculdade, sendo que os portões serão abertos com antecedência de trinta minutos. A instituição também se reserva ao direito de utilizar os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM, para efeito de preenchimento das vagas remanescentes, caso todas as vagas não sejam preenchidas.

A Faculdade de Ilhéus foi fundada há 15 anos e funcionou inicialmente  nas dependências do Colégio Vitória, no bairro da Conquista, quando  ofertava apenas os cursos de Administração e Ciências Contábeis. Trilhando o caminho baseado na cultura do empreendedorismo, atualmente a instituição oferece oito cursos de graduação e mais onze cursos na área de pós-graduação. 

 

 

CIRCO EM ILHÉUS ATÉ SEGUNDA

Devido a instabilidade meteorológica, o espetáculo do circo acontecerá no ginásio de esporte de Ilhéus Heval Soledade, lembrando que será o espetáculo completo, globo da morte, trapezistas, contorcionistas, palhaços, bailarinas, acrobatas e muito mais, artistas nacionais e internacionais.

Somente 04 dias de espetáculos, sexta feira às 19:00h e às 20:30h, sábado e domingo as 17:00, 19:00 e às 20:30 horas, segunda feira ( último dia) às 19:00 e às 20:30 horas. Os ingressos serão vendidos nas bilheterias do circo na Avenida Soares Lopes, e no ginásio de esporte Herval Soledade, nos horários de funcionamento da bilheteria sexta feira: a partir das 16:00h sábado e domingo a partir das 14:00 horas e segunda feira a partir das 16:00 horas. MUNDO MÁGIGO UM SHOW DE CIRCO.

Grupo Itapemirim compra a Passaredo Linhas Aéreas

Empresa aérea está sob recuperação judicial desde 2013. Novos gestores prometem adquirir 20 aeronaves até o final de 2018 e quadruplicar o número de rotas.

Passaredo Linhas Aéreas anunciou na noite desta segunda-feira (3) a venda da empresa para o Grupo Itapemirim, conglomerado de transporte rodoviário de cargas e passageiros, que atua em 22 estados e conta com 1,2 mil ônibus. O valor da negociação não foi divulgado. Em nota, a assessoria da Passaredo informou que a gestão da empresa será compartilhada pelos próximos dois meses, durante o “cumprimento de condições suspensivas”, mas o comando executivo ficará nas mãos do empresário Sidnei Piva de Jesus, sócio da Itapemirim.

 Atualmente, a Passaredo possui sete aviões e atende 20 cidades em nove estados brasileiros. O grupo Itapemirim anunciou que vai ampliar para 80 os destinos aéreos no interior do país e adquirir 20 novas aeronaves até o final do próximo ano. A integração entre as malhas aérea e terrestre atingirá cerca de 2.500 cidades brasileiras.

Também em nota, a Passaredo informou que as operações firmadas em codeshare, com a Latam Linhas Aéreas, e em contrato interline, com a Gol Linhas Aéreas, continuam funcionando normalmente. Isso significa que as empresas seguem operando de forma complementar.

Recuperação judicial

Em recuperação judicial há quatro anos, a Passaredo chegou a demitir 200 funcionários em junho do ano passado e ainda deixou de atender os municípios de Dourados (MS) e Uberlândia (MG), como parte de um processo de reestruturação diante da crise econômica.

Antes disso, em julho de 2012, a empresa já havia demitido 113 colaboradores, após encerrar os voos entre o Aeroporto Leite Lopes, em Ribeirão Preto (SP), e cidades de Porto Alegre (RS), Curitiba (PR), Cascavel (PR) e Londrina (PR). “O novo controlador quer investir para o crescimento sustentável do negócio, para que, gerando receita, a própria empresa possa liquidar seu passivo”, diz nota enviada pela Passaredo. O grupo Itapemirim, por sua vez, é formado pela Viação Itapemirim, que também está em processo de recuperação judicial, diante de um quadro de dívidas trabalhistas e com fornecedores da ordem de R$ 330 milhões e de um passivo tributário de R$ 1 bilhão.

 

Concessão do Aeroporto Jorge Amado passará para o Governo da Bahia

A reestruturação da Infraero, a estatal dos aeroportos, deve ser definida nesta semana e, segundo o Secretário de Aviação Civil, Dario Rais Lopes, até o momento só há consenso sobre a venda de sua participação nos cinco aeroportos privatizados.
Em entrevista, o secretário não quis comentar as controvérsias entre os ministérios do Transportes e do Planejamento sobre o destino da Infraero.
Pessoas que participam das conversas afirmam que a área econômica quer a privatização dos 56 aeroportos da estatal até 2018. A venda seria feita em blocos, combinando aeroportos lucrativos com outros menores e deficitários. A estatal seria extinta.
Para viabilizar a venda dos 56 aeroportos, o Planejamento quer obrigar as futuras concessionárias a absorver a maior parte dos funcionários da Infraero. Isso reforçaria o caixa da União para resolver o aperto orçamentário diante da queda de arrecadação, que pode comprometer o cumprimento da meta de deficit de R$ 139 bilhões neste ano.
“O segundo semestre de 2018 é um período eleitoral, temos apenas um ano para trabalhar”, disse Rais Lopes.
 
ENXUGAMENTO
Segundo o secretário, o Ministério dos Transportes defende o enxugamento da estatal, que continuaria na gestão do sistema aéreo e administrando uma rede menor de aeroportos. “Depois da venda da participação da Infraero nos aeroportos privatizados, nosso plano é preparar uma nova rodada de concessões, sem a estatal.”
Atualmente, a Infraero tem 49% de participação nos aeroportos do Galeão (RJ), de Confins (MG), de Brasília (DF), de Natal (RN) e de Viracopos (SP). Problemas de caixa da estatal e das empreiteiras sócias nas empresas que administram esses aeroportos levaram a um atraso no pagamento de outorgas.
A proposta da SAC é a concessão de dois lotes de aeroportos imediatamente (nenhum com Congonhas ou Santos Dumont) e a transferência da outorga de Ilhéus e de São José dos Campos para a Bahia e o município paulista, respectivamente, para que procedam à concessão.
“Em seguida, precisamos colocar a subsidiária Asas para funcionar [empresa criada em parceria com a operadora alemã Fraport], abrir seu capital e fazer uma licitação para a contratação de uma proposta de reestruturação de capital da Infraero.”
Depois de muitas disputas internas e com o ministro Maurício Quintella (Transportes), os dirigentes da Infraero concordam com um plano mais abrangente, mas que não leve ao fim da estatal. Para eles, que defendiam a privatização de aeroportos lucrativos, como Congonhas e Santos Dumont, não há mais possibilidade de que parte desses recursos volte para a Infraero, como defendiam.

Saúde em Ilhéus terá avanços

A Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus obteve empréstimo junto à Caixa para investir na reestruturação da hotelaria do Hospital São José e Maternidade Santa Helena e quitar dívidas antigas com fornecedores. Hoje (4), o provedor Eusínio Lavigne garantiu que a operação só foi possível, graças a decisiva participação do prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, e da secretária municipal da Saúde, Elizângela Oliveira.

Os recursos liberados foram obtidos através da linha de crédito “Caixa Hospitais”, destinada às entidades filantrópicas. Como o desconto da prestação será feito na fonte, ou seja, o dinheiro nem passará pelas mãos dos gestores da Santa Casa, por isso era preciso ter uma autorização do prefeito – já que no município a saúde é municipalizada – para a consolidação da operação bancária. “Eles deu a declaração, mostrando o seu perfil de gestor que quer o bem da cidade e de suas instituições”, disse Eusínio.

Ajuda decisiva – Em nota, a direção da Santa Casa elogiou a postura do prefeito Mário Alexandre em permitir o empréstimo para obter recursos para melhorar os serviços médico-hospitalares das duas unidades. De acordo com a direção da Santa Casa, 80 por cento dos leitos do hospital e da maternidade, são disponibilizados para a saúde pública, através do Sistema Único de Saúde (SUS).

Por mês, a Santa Casa realiza, em média, 300 partos, 2.435 atendimentos de Pronto Socorro e 2.796 atendimentos ambulatoriais. São, também, realizadas 418 cirurgias e 718 Pacientes são internados nos seus leitos. “Com a liberação de recursos através do “Caixa Hospitais”, a Santa Casa obteve crédito para continuar prestando serviços de qualidade à população, aproveitando vantagens oferecidas com prazos e taxas especiais”, afirmou Mário Alexandre.

Novo hospital – O prefeito de Ilhéus assegura que os caminhos para um atendimento público de excelência na saúde estão sendo pavimentados. Além da ajuda aos hospitais filantrópicos, está prevista para setembro a inauguração do novo Hospital Costa do Cacau, que terá ortopedia, cardiologia e 30 leitos de UTI já na primeira etapa. Também funcionará oito salas para cirurgias simultâneas e 180 leitos para internação. Pela primeira vez o serviço de cardiologia do Estado será implantado em uma cidade do interior com cirurgia cardíaca para atender a toda a região sul.

Com a inauguração do novo e moderno hospital, as instalações do Hospital Regional, na Conquista, serão reformadas para abrigar o Hospital Materno-Infantil de Ilhéus, que será municipalizado. Durante as comemorações alusivas aos 483 anos de fundação de Ilhéus, o governo municipal entregou a reforma do Posto de Saúde do Banco da Vitória e a construção do novo e moderno posto do Iguape. Em seis meses, melhorias estruturais foram feitas em diversos postos e unidades básicas. E o governo trabalha, em Brasília, para resolver pendências junto ao Sistema de Monitoramento de Obras, para retomada de obras dos postos da avenida Princesa Isabel, avenida Esperança, Teotônio Vilela, Banco da Vitória, São José (Aritaguá), Conquista, Olivença, Couto e Castelo Novo, além da ampliação do Centro de Saúde Avançado (CSA) da zona sul, na Urbis.

Avanços – De acordo com a secretária Elizângela Oliveira, está sendo elaborado um protocolo que passará a sistematizar toda a rede de prestadores de serviços e, em breve, haverá um novo chamamento público com o objetivo de formalizar novos contratos de prestação de serviço com laboratórios e clínicas. Outro anúncio importante é de que o município de Ilhéus conseguiu ampliar de 500 mil para 640 mil reais mensais, o teto para aplicar no tratamento de pacientes com câncer, oferecendo uma capacidade maior de atendimento nos hospitais e nas clínicas conveniadas com serviços de tomografia, quimioterapia e cirurgias. Outra conquista é a reabertura da Farmácia Municipal no bairro de Olivença, zona sul de Ilhéus, que se encontrava desativada há cinco anos.

 

 

Há 71 anos nascia o biquíni

Em julho de 1946, o francês Louis Reard provocou um escândalo ao lançar um maiô considerado muito pouco pudico.

 “O biquíni: uma bomba anatômica” foi o slogan criado para os dois pedaços de tecido, uma faixa para a parte de cima e dois triângulos invertidos para a parte de baixo, vendidos em um pacote do tamanho de uma grande caixa de fósforos. A peça foi tão explosiva que foi batizada com o nome da pequena ilha onde testes atômicos americanos eram realizados, a ilha de Bikini.

Apesar de o biquíni já existir a algum tempo, foi à calcinha de cintura alta, na altura da barriga, a preferida das mulheres no pós-guerra, como evidenciado pelas imagens de pin-up ou atrizes americanas, Marilyn Monroe na liderança. A chegada do biquíni foi histórica, porque mostrou pela primeira vez o que as mulheres não se atreviam a mostrar, o umbigo.

Foi uma dançarina de 19 anos, Micheline Bernardini, que se apresentava no Cassino de Paris, que vestiu o primeiro biquíni da história, em 5 de julho de 1946, para a eleição da mais bela na piscina Molitor, local muito frequentado da capital francesa nos anos 30.

Na Europa, sob pressão da Igreja Católica, os governos italiano, espanhol e belga proibiram a venda dos biquínis. Na França, curiosamente, foi permitido nas praias do Mediterrâneo, mas proibido nas do Atlântico.

Foi preciso esperar os anos 50 para as estrelas do cinema adotarem o biquíni. Desta forma, a atriz francesa Brigitte Bardot causou histeria durante o Festival de Cinema de Cannes em 1953, ao posar de biquíni branco com flores na praia de Carlton.

Um museu do biquíni será inaugurado na Alemanha este ano.

 

 

Usar mulheres free ou mais barato para atrair homens para festa tem fim

Preços diferentes cobrados nas baladas do Brasil para homens e para mulheres é uma prática comum. O Ministério da Justiça entrou na polêmica e determinou: essa cobrança diferenciada é ilegal. Vai começar a valer mesmo só daqui um mês, mas a novidade correu pelas baladas do Brasil no fim de semana e dividiu opiniões.

Proibição vai começar a valer mesmo só daqui um mês, mas a novidade correu pelas baladas do Brasil no fim de semana e dividiu opiniões.

Menina sumida há uma semana em Ilhéus

Uma garota identificada por Taiane, de apenas 10 anos de idade, também conhecida pelo apelido de Dezinha, está desaparecida. Segundo informações, a criança saiu para vender amendoim nas praias de Ilhéus e não retornou para casa. A uma semana a garota está sumida. A menina estuda no Colégio Pequeno Davi e reside na ladeira que dá acesso ao bairro do Basílio.  

A mãe desesperada com a situação buscou informações em hospitais e até nas cidades próximas, porém a adolescente não foi localizada. Amigos se mobilizaram nas redes sociais no intuito de encontrá-la no menor espaço de tempo. Qualquer informação ligar para o número: (73) 9 8205/1580 (WhatsApp) – falar com Jô.  

SEMÁFOROS IRÃO CUSTAR R$ 6,5 MILHÕES

Ilhéus está sem semáforos em funcionamento há um grande tempo em algumas ruas e avenidas. A dificuldade no trânsito da cidade está próxima de chegar ao fim, mas terá um custo alto, de 6,5 milhões de reais.

O governo executivo finalizou a contratação do consórcio Casulo, composto pelas empresas Engentra e Trafit, que será responsável pelo gerenciamento das sinaleiras. 

Com materiais pra semáforos, serão gastos 4 milhões de reais. O restante será pago pelos serviços.

Antigos e novos radares serão responsáveis pela arrecadação.

MEC vai interligar universidades e melhorar conexão em escolas do Nordeste

O Ministério da Educação (MEC) lançou o Programa Nordeste Conectado, que irá interligar, em alta velocidade, instituições federais de educação e pesquisa à Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) nas capitais e no interior do Nordeste. O programa vai possibilitar também que instituições estaduais de educação superior e de pesquisa se interliguem à infraestrutura de internet em alta capacidade.

Segundo o MEC, 39 campi de instituições federais devem ser beneficiados pelo programa, que também deverá chegar a 12,6 mil escolas públicas, com acesso a uma rede com velocidade de até 100 gigabits por segundo. A expectativa é que 16,3 milhões de pessoas na Região Nordeste sejam favorecidas com a iniciativa. Continue lendo MEC vai interligar universidades e melhorar conexão em escolas do Nordeste